segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Por Mauricio Mellone



Com o narrador na primeira pessoa, O Gosto do Sexo Sem Rosto é a recriação do diário secreto de Diego, um rapaz de 18 anos que acabara de chegar da Bahia e, sem ter onde morar depois de brigar com o pai, resolve ligar para o telefone de um anúncio de jornal. Marca a visita e depois de uma entrevista detalhada, em que tem de se despir diante do gerente, Diego é aceito na casa de prostituição. Além do histórico de vida deste adolescente baiano, o livro revela os bastidores da vida de vários garotos de programa.
O autor não faz nenhum tipo camuflagem para mostrar o mundo em que vivem os garotos de programa. Ele mostra a realidade da casa de prostituição, chamada de Star Boys, de forma crua e direta. Como a obra é construída como sendo o diário de Diego, tudo é contado sem máscaras: o rapaz descreve com riqueza de detalhes as relações sexuais que mantém com homens, mulheres, travestis, casais e até as orgias que os clientes exigem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário