terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Alegramentos


Na revista H MAGAZINE de fevereiro tem uma matéria maravilhosa sobre meu livro e meu trabalho, também este mês a revista JUNIOR publicou uma entrevista comigo, onde revelo bastantes coisas (ambas estão nas bancas). Nos últimos tempos meu coração foi visitado por inúmeros alegramentos, havia apenas um menino e um sonho ser escritor e calar os choros do mundo com mamadeiras de palavras. Escrevo desde criança, amo, gozo escrevendo, até quando estou paralisado estou escrevendo por dentro. Escrevo coisas estranhas, sou apaixonado por aqueles que vivem nos escombros e transitam livremente na contramão da vida. A minha escrita é assim atormentada e cheia de ternura. A minha escrita, assim como a minha vida é como uma colha de retalhos, eu misturo tudo sem mascaras e pudores, as alegrias não anulam tristezas, mas a junção torna tudo mais leve. Tomei coragem e escrevi um livro, ele não é pior nem melhor que os outros, mas nele escrevi coisas que jamais um escritor teve coragem de escrever, por isso encontrei muitas pedras no caminho, é horrível alimentar um sonho sozinho, ninguém acreditava, mas eu segui meu coraçãozinho de baiano. Depois de inúmeras tentativas meu livro nasceu, mas nasceu com todas as setas do fracasso apontadas para ele, mas o improvável aconteceu os meus inúmeros leitores o acolhei de forma apaixonante e automaticamente me salvaram dos lençóis do anonimato me proporcionando visibilidade e alegria, hoje o meu livro já esta entre os mais vendidos nas livrarias iba, no aeroporto de Brasília e em outros canais também, agradeço meus amigos do face que compartilharam meu link, agradeço também aqueles que vilipendiaram meu trabalho por ser de ordem pornográfica. Todas as pessoas aqui no face e fora dele que criticaram o meu trabalho só serviram para me fazer entender que a palavra pobreza esta muito mais ligada às coisas do coração do que a restrição material. Quero de coração aceso convidar todos vocês para meu evento de lançamento que será dia 06/03 em São Paulo. De toda essa historia sobrou apenas um orgulho doido de ser nordestino, retirante, baiano, filosofo e escritor. MARLON DE ALBUQUERQUE.

Um comentário:

  1. Pois é, muitas vezes vemos "simples" links compartilhados no facebook, divulgando o livro, o blog, etc e nem nos preocupamos em clicar neste link....nao nos damos ao trabalho de conhecer o que estao nos convidando....e o mais triste, a maioria das pessoas nao chegam ate aqui e nao descobrem que atras de um simples link tem um trabalho tao rico que foi pensado e desenvolvido com tanto carinho e talento....para que possamos apreciar....Parabéns, gostei muito do blog e quero ler o livro :-) Alan Jr

    ResponderExcluir