domingo, 14 de abril de 2013

Na boca.


''Eu sempre fui angustia na sua vida, a dor de cabeça mal resolvida, eu fui o silêncio que não se deu, fui o sorriso que não bastou e hoje nada me cura de voce. Eu não precisava do sol, nem do mar, nem da cidade alta, nem da cidade baixa, voce era a Bahia inteira na minha cama. Era bom o gosto do seu mel escorrendo na minha boca, porque seu corpo era o meu altar.'' MARLON DE ALBUQUERQUE.

Nenhum comentário:

Postar um comentário